sexta-feira, 4 de abril de 2014

Amanhã (05) é data final de desincompatibilização para determinados candidatos

Magistrados, secretários estaduais e ministros de Estado que pretendem concorrer nas Eleições Gerais de 2014 devem deixar as suas funções até o dia 5 de abril (amanhã), ou seja, seis meses antes do pleito de outubro. Caso contrário, serão considerados inelegíveis, de acordo com a Lei Complementar nº 64/1990 (Lei de Inelegibilidades).

O governador de Estado que pleiteia cargo de deputado federal, estadual ou distrital, senador ou presidente do país também deve se desincompatibilizar da atual função até 5 de abril, exceto se for disputar a reeleição. O vice-governador e o vice-presidente que não substituíram o respectivo titular nos seis meses anteriores ao pleito e nem o sucederam, não precisam sair do cargo para participar das eleições deste ano.

Esse mesmo prazo é válido para membros do Tribunal de Contas da União, dos Estados e do Distrito Federal, de empresas públicas (presidente, diretor, superintendente, dirigente) e entidades mantidas pelo poder público (dirigente, administrador, representante), além de dirigentes de fundações públicas em geral.

Em 5 de junho, quatro meses antes das eleições gerais, deverão deixar seus postos dirigentes, administradores ou representantes de entidades de classe, como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e dirigentes sindicais.

A três meses do pleito, ou seja, 5 de julho, quem deve se afastar dos respectivos cargos são os servidores públicos em geral, estatutários ou não, dos órgãos da administração direta ou indireta da União, Estados, Distrito Federal e municípios.

Servidores da Justiça Eleitoral não podem ser filiados a partidos políticos e por essa razão precisam se afastar da atividade um ano antes do pleito para, assim, poderem se filiar, mas se quiserem concorrer a algum mandato não poderão voltar aos seus cargos efetivos.

Os parlamentares que querem concorrer à reeleição ou a outro cargo não precisam sair do Congresso Nacional e nem das assembleias legislativas, bem como o presidente da República se concorrer à reeleição.

VEREADOR RASGA O REGIMENTO INTERNO EM PLENÁRIO.

Na sessão dessa quinta-feira o vereador Marcos Antônio (PSOL) rasgou, em plenário, o regimento da Câmara Municipal de Natal. Durante pronunciamento, ao criticar o requerimento sobre a não convocação imediata do prefeito Carlos Eduardo para explicar o atraso na implantação da bilhetagem eletrônica, o vereador pegou o regimento da Casa e rasgou o documento.
“A Mesa diretora é subserviente ao prefeito Carlos Eduardo”, criticou o vereador, que foi mais além: “não me venha falar em Comissão de Ética baseada nesse regimento. Pergunto ao presidente da Casa qual o novo regimento porque esse aqui (ele começa a rasgar o regimento) não vale nada. Não me venha falar em regimento, em Comissão de Ética porque essa Casa está sendo dirigida ao sabor do regimento do presidente (Albert Dickson), ele que diz o que pode e o que não pode”.
O vereador do PSOL disse que a Mesa Diretora estava descumprindo o regimento, ao permitir a não convocação do prefeito. “A Mesa desta Casa está rasgando e jogando no lixo o regimento desta Casa”, comentou.
Marcos Antônio classificou de “manobra” o requerimento aprovado ontem, que prevê a convocação da secretária de Mobilidade Urbana, Elequicina Santos.
Essa foi a segunda sessão seguida que o vereador fez o mesmo gesto. Presidente do Conselho de Ética da Câmara, o vereador Bertone Marinho (PMDB) não participou da sessão e ainda não se pronunciou sobre as providências a serem adotadas.

sexta-feira, 14 de março de 2014

Diocese de Cajazeiras e Paróquia de São Francisco de Assis de Poço Dantas-PB celebram 100 anos de fundação da Capela de São José da Vila de Barra de Piabas

IGREJA DE SÃO JOSÉ BARRA DE PIABAS

A Diocese de Cajazeiras e a Paróquia de São Francisco de Assis de Poço Dantas-PB iniciaram dia 08 de março a Festa de 100 anos de fé, evangelização e fundação da Capela de São José da Vila de Barra de Piabas. O evento religioso termina dia 19 de março. A programação religiosa teve início sábado (8) com a saída da imagem de São José para as comunidades de Miranda e Recanto. Dia 9 saída da imagem de São José Operário da comunidade de Recanto para a sede da cidade de Poço Dantas. Dia 10, chegada da imagem de São José para a capela de Barra de Piabas. Às 18h30 acolhida da imagem e hasteamento da bandeira e às 19h foi celebrada da santa missa dedicada às comunidades de Recanto, Miranda e à cidade de Poço Dantas.

Terça-feira (11) às 19h foi celebrada uma novena dedicada às famílias de Antonio Guilherme Estrela, Tereza Vieira, Maria Jaci e Vanduir Machado. Responsáveis: Comunidades de Bulandeira e Baixio do Cedro. Quarta-feira (12) às 19h foi realizada uma novena dedicada às comunidades de Lajes e às famílias de João Bosco, Gabriel, Zé de Joaquim, Ismar e Zezinho. Responsáveis: comunidades de Oitis, São Bento e Baixio dos Lourenço. Sexta-feira (14) às 19h novena dedicada aos casais. Responsáveis: comunidades de Queimadas e Garrancho. Sábado (15) às 19h celebração da novena dedicada às famílias do radialista João Andrade, Manoel e Nina. Domingo (16) às 19h realização de novena dedicada à família Dias e às famílias de Antônio de Quinco, Zezinho, Didi e João. Segunda-feira (17) às 19h realizada da novena dedicada às famílias de Fátima, Valdir, Antonio de João e Chiquinho de Rosa. Responsáveis: Distrito de São João Bosco e comunidade de Lagoa dos Cesários. Terça-feira (18) às 19h novena dedicada a todo o povo de Deus e às famílias de Chiquinha, Zé Correia, Loura e Duir.

A festa centenária da Capela de São José chega ao fim na quarta-feira (19) às 7h30 com confissões, 8h30 batizados, 9h30 realização da tradicional procissão e às 10h celebração da santa missa pelo pároco Janecildo Soares de Sousa.. Na terça-feira (18) haverá homenagem aos padrinhos e madrinhas da festa, entrega de envelopes e desfile de lindas garotas. O desfile de garotas já se tornou tradicional durante os festejos de São José.

Desfile das garotas

Maria Clara de Sousa Lira, filha do comerciante Carlos Lira e da vereadora do Partido dos Trabalhadores de Poço Dantas, Maria Eva de Sousa Lira, representante da cidade Poço Dantas e da família Guilherme; Samia Ellem, representante do Distrito de Tanques; Amanda Emily, representado a comunidade de São José; Rosadahjane Almeida, representando a comunidade de Baixio dos Lourenço; Renan Rodrigues, representando a comunidade de Garrancho; Ana Beatriz, representando a comunidade de Miranda e a família Rodrigues; Kauan Dantas Lima Dias, representando a Vila de Barra de Piabas e a família Dias; Ana Vitória Andrade, representando a Vila de Barra de Piabas e a família Andrade; Maria Alícia, representando o Distrito de São João Bosco; Maria Cecília, representante da comunidade de Queimadas; Talita Alves Maximiano, representando a família Maximiano; Jamily Maria de Jesus, representando a comunidade de recanto e a família Dantas e Raiane Correia, representando a comunidade de Boa Vista e a família Correia.

Patronos da Festa de São José

São patronos da Festa de São José o prefeito constitucional de Poço Dantas, José Gurgel Sobrinho, ex-prefeito de Poço Dantas, advogado Itamar Moreira Fernandes, prefeito municipal de Uiraúna, médico João Bosco Nonato Fernandes, vereador José de Araújo Dantas (Dedé de Assis) e o vereador Antonio Correia de Araújo Sobrinho. A primeira-dama de Poço Dantas, Antonia Pereira de Queiroz é a dama de São José, dentre outras.

“É festa do padroeiro, é festa da comunidade, queremos celebrar em clima de júbilo no ano centenário da nossa Diocese de Cajazeiras, os 100 anos de fé e evangelização de nossa capela, pois São José nos ensina a agradecer, celebrar e evangelizar. É justamente neste espírito do jubileu que desejamos vivenciar a festa do nosso querido padroeiro São José. A festa que vamos celebrar é um convite à adoração ao louvor ao Deus da vida”, disse o padre Janecildo Soares de Sousa.

Abdias Duque de Abrantes

Jornalista DRT PB 604

quarta-feira, 12 de março de 2014

Cacá Gadelha manda recado pra Rômulo: Pode tirar o partido, só não tira meu voto para Cássio

No final de semana passado, o vice-governador, Rômulo Gouveia esteve de passagem pelo Município de Sousa, e também por Uiraúna.

Poucas pessoas souberam desta visita realizada por Rômulo Gouveia, pré-candidato ao Senado, e presidente estadual do PSD na Paraíba.

Durante essa viagem que quase ninguém soube, teria ocorrido um encontro “secreto” com o empresário sousense, Carlinho de Deodato, pré-candidato a prefeito de Sousa em 2016.

Rômulo descontente com atitude do atual presidente do partido no Município, o vereador, Cacá Gadelha que declarou o seu voto a Cássio Cunha Lima, teria oferecido o partido a Carlinho de Deodato que ficou de analisar para assumir o comando na Cidade sorriso.

Cacá Gadelha ao tomar conhecimento desta reunião, disse que Rômulo veio a Sousa, e ele não foi informado de sua agenda, mas que o partido estava à disposição de Rômulo, apenas uma coisa Gouveia não tiraria dele: o voto para Cássio Cunha. Estava decidido, e orientado por Fábio Tyrone.

Alguns observadores políticos da Cidade de Sousa já entendem que o “racha” na oposição é maior do que se possa imaginar.

Haveria gente dentro do esquema da oposição ligada ao vice-governador fazendo o maior inferno, e querendo ver o circo pegar fogo de vez, porém que poderá sair chamuscado nisto tudo é o Governador Ricardo Coutinho.

Também com aliados articulistas deste querendo detonar os próprios amigos, não se precisa de inimigo, disse um defensor de Ricardo ao tomar conhecimento da história.

Muitas lideranças políticas sousenses reclamam da má assessoria do vice-governador quando vem aqui passear pela Região de Sousa. Rômulo chegava, saia, e ninguém sabia de sua estadia. É bom Rômulo se cuidar com suas companhias para não lhe atrapalhar nas urnas. Fique de olho “Gordinho”.

Ministro do TSE nega recurso e mantém cassação de prefeito no RN

image

O Prefeito cassado de Francisco Dantas, Gilson Dias (PTB), obteve mais um revés na justiça eleitoral, nesta terça-feira (11), e, provavelmente, deverá ficar fora do cargo até que seja julgado o mérito do recurso especial interposto no Tribunal Superior Eleitoral visando o seu retorno ao comando do Executivo.

Nesta terça, o Ministro do TSE, Dias Toffoli, negou seguimento a uma Ação Cautelar (Nº 15084) impetrada pelos advogados de defesa do Prefeito cassado e do seu Vice que objetivava suspender os efeitos do acórdão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) que, mantendo sentença proferida em primeira instância, aplicou aos ora requerentes as sanções de cassação de diploma, multa e inelegibilidade, com base no art. 41-A da Lei nº 9.504/97, em razão da prática de captação ilícita de sufrágios.

Desta forma, continuará à frente da Prefeitura de Francisco Dantas, Vandeilton Bezerra (PTB), que assumiu o cargo de forma interina pelo fato de ser Presidente da Câmara Municipal.

Segundo informações, como a possibilidade de ocorrer eleições suplementares no Município ganha força a cada decisão judicial, Vandeilton Bezerra, que rompeu politicamente com Gilson Dias assim que assumiu a função de Prefeito interino, já estaria agindo nos bastidores para conseguir apoios dentro do partido e, consequentemente, disputar o comando da Prefeitura.

Nasceu Annelise, filha do diretor adjunto da Rádio Líder FM de Sousa, Rafael Estrela e da enfermeira Marise Gomes de Abrantes

ANNELISE

Nasceu sábado (8) no Complexo Médico e Hospitalar Santa Terezinha em Sousa-PB a garota Annelise Estrela Gomes de Abrantes, filha do diretor adjunto da Rádio Líder FM 97.1 de Sousa e proprietário do empreendimento Codornas Gigantes Vovó Maria, Rafael Estrela e da enfermeira Marise Gomes de Abrantes. A criança veio ao mundo através do parto humanizado, com o acompanhamento do médico Guilherme Carvalho.

São avós maternos o empresário e agropecuarista Valdeci Emídio Gomes e Zeffinha Abrantes e avós paternos o comerciante Raimundo Estrela/Fátima Oliveira. São bisavós maternos o Sr. José Duque e Necy Abrantes. Annelise é sobrinha do vice-prefeito de Vieirópolis, empresário Zé de Miro, do ex-vice-prefeito de Sousa, advogado Chiquinho do PT, da secretária de turismo de Vieirópolis, Mayanne Gomes de Abrantes, dos estudantes Maylla Gomes de Abrantes e Melque Emídio A criança é a consagração da vida e Annelise veio para dar vida, alegria e mais luz para as famílias Estrela, Gomes, Emídio, Abrantes, Machado, Guilherme, Duque, Equitane e Oliveira.

Annelise é a junção de Ana e Elisa. Ana tem origem no hebraico Hannah, mais tarde do latim, como Anna e significa cheia de graça ou graciosa. Alguns estudiosos apontam também para o significado "aquela que se levantará novamente". Para muitos se trata também da forma adotada no português e no espanhol para o nome Anne. Na Bíblia duas "Anas" se destacam, uma, no velho testamento, por ser mãe do profeta Samuel e ter engravidado em idade muito avançada e no novo testamento uma profetisa que reconhece que o menino Jesus é o Messias. A origem do nome Elisa é germânica e significa mulher feliz e consagrada de Deus.

Abdias Duque de Abrantes

Jornalista DRT PB 604

PB tem 117 pessoas sem nome na lista de transplante

Cálculo da ABTO considera a proporção de 25 transplantes para cada milhão de pessoas

Um estudo da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO) estima que 117 pacientes que residem na Paraíba e precisam receber um novo fígado ou coração não conseguiram realizar o procedimento no Estado em 2013.

Os dados integram o Registro Brasileiro de Transplantes (RBT) da ABTO e foram divulgados este ano. Segundo informações do presidente da entidade, Lúcio Pacheco, esses pacientes não estão cadastrados na lista de espera e não recebem o acompanhamento necessário para ter acesso aos serviços na Central de Transplantes.

Os resultados do RBT mostram que no ano passado a necessidade anual estimada de transplantes foi de 94 pessoas precisando receber fígado e outras 23 necessitando de transplante de coração, na Paraíba. Mas o relatório revela que em 2013 não houve transplante de coração e fígado no Estado.

De acordo com o presidente da ABTO, o cálculo para levantar as estatísticas da necessidade anual estimada de transplantes considera a proporção de 25 transplantes para cada milhão de pessoas.

“Essas pessoas são pacientes que não têm acesso à lista de espera ou não recebem o encaminhamento médico correto. Ou seja, pessoas que precisam de um transplante, mas não estão tendo acesso aos Centros de Transplantes e o número desses pacientes é bem maior do que o que aparece na lista”, explicou Lúcio Pacheco.

A lista de espera por transplantes na Paraíba, até dezembro do ano passado, contava apenas com três pacientes aguardando transplante de fígado e nenhum precisando de coração.

Já no caso de espera por um novo rim e córnea, o quantitativo também é menor do que a estimativa da ABTO. Para transplante de rim, a associação estimava que 226 pessoas precisavam de transplante, mas o cadastro registrava apenas 24 pacientes. Na luta para receber córneas, a necessidade levantada pela entidade médica era de 339 pessoas, e a lista apresentava 148.

A possibilidade da realização de transplantes é uma esperança para os pacientes residentes na Paraíba e que estão na expectativa por um novo órgão. É o caso de Mariene Franquelino de Oliveira, de 26 anos. Com uma doença renal degenerativa diagnosticada ainda na infância, a estudante está há 4 anos na fila de espera por um rim e enquanto não consegue realizar o procedimento, enfrenta três vezes por semana a hemodiálise.

“Tem dias que saio da hemodiálise e nem parece que passei por isso. Em outros dias, eu saio com dor de cabeça, enjoada.
É um sufoco”, lamenta a estudante, que já conseguiu uma doadora e se prepara para os testes de compatibilidade.

NOMES NÃO INTEGRAM BANCOS DE ÓRGÃOS

A coordenadora da Central de Transplantes do Estado, Gyanna Lys de Melo, explicou que as estimativas divulgadas pela ABTO comparam a Paraíba com dados nacionais. Contudo, ela concorda com a explicação dada pelo presidente da associação e acredita que esses dados podem ser de pacientes que não estão cadastrados no Banco de Órgãos ou que não estão recebendo a orientação correta quanto aos procedimentos para realizar transplantes.

“Eles fazem essa estimativa em termos de milhões da população em nível nacional. Nós ainda não recebemos esses estudos oficialmente. Isso é uma estimativa por milhão da população e quantos pacientes a Paraíba deveria ter inscrito.Ou então, esses pacientes não estão chegando até nós. Quem precisar de transplante de coração deve marcar o atendimento no Hospital Universitário de João Pessoa e lá tem um médico transplantador”, disse.

Embora tenha informado que não recebeu oficialmente o último documento emitido pela ABTO, Gyanna Lys de Melo disse que a fila por transplantes começou a diminuir este ano no Estado. Segundo ela, até o mês passado foram realizados sete transplantes de rim, 36 de córnea e um de fígado.

A coordenadora explicou ainda que a Paraíba dispõe de equipes de captação de órgãos nos Hospitais de Emergência e Trauma de João Pessoa e Campina Grande e ainda na capital há um hospital privado que é credenciado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para realizar transplante de coração. Ainda na capital, o Hospital São Vicente de Paula está sendo recredenciado pela Vigilância Sanitária Municipal para realizar transplante de rim. Por enquanto, esse procedimento está sendo realizado apenas no Hospital Antônio Targino, em Campina Grande.

LISTA DE ESPERA NA PB

Conforme reportagem publicada no JORNAL DA PARAÍBA em fevereiro deste ano, a fila de espera por pacientes renais está 375 pessoas, sendo 335 em Campina Grande e 40 em João Pessoa, segundo informou o presidente da Associação dos Pacientes Crônicos-Renais e dos Transplantados de Rim, Carlos Roberto da Silva. O representante da entidade alega que, com a demora na captação de órgãos, muitos pacientes adoecem e não conseguem ficar aptos ao transplante.

“Do total desses pacientes que estão esperando, 120 não têm condições no momento de fazer a cirurgia. O paciente renal corre atrás do tempo. Nós não temos hoje equipes de captação de órgãos nos Hospitais de Trauma de João Pessoa e Campina Grande. Os 53 transplantes que foram realizados no ano passado estão bem longe da realidade da fila de espera”, lamentou Carlos Roberto.

A fila de espera por córnea também aumentou de 2012 para 2013, conforme o registro da ABTO divulgado este ano. O número de pessoas que precisavam de transplante de córnea passou de 86, em 2012, para 148, no ano passado.

Deputados do Cariri não vão a solenidade de RC e podem engrossar bancada cassista

Os deputados caririzeiros João Henrique (Monteiro) e Francisco de Assis Quintans (Sumé), ambos do Democratas (DEM) e da base de sustentação do governador Ricardo Coutinho (PSB) na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), não compareceram a solenidade de inauguração de um abatedouro de aves, realizada pelo Governo do Estado, na tarde desta terça-feira (11), no bairro do Mutirão em Monteiro, e levantaram várias especulações com relação ao afastamento dos dois de Ricardo para apoiarem a pré-candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) a governador nas eleições estaduais de outubro.

A falta mais notada foi a do deputado João Henrique, que é majoritário na cidade e esposa da prefeita Edna Henrique (PSDB). No entanto, apesar da ausência, os assessores do deputado negaram qualquer tipo de distanciamento do democrata com o governador. Segundo eles, o deputado não compareceu devido a um compromisso previamente agendado. Os assessores afirmam também que uma garantia de que está tudo bem entre o deputado e o governador Ricardo foi o fato da sua esposa, a prefeita Edna Henrique, prestigiar a solenidade.

Já o deputado Quintans, após a repercussão do fato entre os presentes a solenidade, justificou a ausência afirmando que não compareceu a inauguração do abatedouro simplesmente por que não foi convidado.

PARAIBA:CÁSSIO AMENIZA DECLARAÇÕES DE RÔMULO GOUVEIA: “NÃO SOU DONO DA VONTADE DE NINGUÉM”

Após anúncio da decisão do PSDB sobre entregas de cargos a gestão estadual e as evidências de rompimento com o PSB, o vice-governador Rômulo Gouveia decidiu pelo apoio ao projeto do PSB e endureceu discurso contra o senador Cássio Cunha Lima, insinuando que o tucano trai projetos que inicia e não assume decisões.

Cássio Cunha Lima não polemizou as declarações de Rômulo, e preferiu adotar um tom ameno em relação aos companheiros, lideranças políticas e até jornalistas que o acompanharam durante trajetória política.

Hoje, Cássio disse que não irá promover perseguições ou adotar um estilo impositor: “Todos tem liberdade plena para suas escolhas”, comentou.

O senador disse, ainda, que se a decisão do povo após consulta popular for pela candidatura própria do PSDB, será a decisão que ele vai defender e pela qual irá trabalhar: “Não sou dono da vontade de ninguém. Sei respeitar a vontade soberana do povo.”, concluiu

terça-feira, 11 de março de 2014

Bruno diz 'renunciar' Curso de Medicina devido polêmica

BRUNO_RODRIGUES

O estudante uiraunense Bruno Rodrigues postou agora pouco em sua página do Facebook que vai renunciar o curso de Medicina que supostamente teria passado na UFAC. A polêmica gerada pela rede social dando conta de que ele nunca teria passado foi o motivo que ele alegou para tomar essa atitude.

VEJA A POSTAGEM NO FACEBOOK DELE:

Bom caros amigos e leitores,

Bem devido aos ocorridos venho por meio desta declarar que estou me abdicando do curso de medicina na Universidade Federal do Acre (UFAC), não por ser uma mentira e sim por não aguentar mais essa confusão toda, com tudo isso estou perdendo amigos, sendo difamado, julgado, entre outras coisas, vou continuar estudando para tentar passar em alguma universidade da Paraíba ou Rio Grande do Norte, que são mais perto da minha família e amigos, irei me dedicar apenas aos estudos e meus amigos verdadeiros, que de tudo isso o que me proporcionou de verdade foi saber quem era meus amigos de verdade, os tipos de pessoas que estão ao meu redor, que se por boatos alguns me humilharam e fizeram tudo isso, imagina o que são capazes de fazer com outros que não são amigos numa situação pior, me pergunto até onde isso chegou? Às vezes preferia nem ter conquistado meu sonho pra não ter passado por tudo isso, as pessoas que mais confiei, mas apoiei nos seus momentos, me julgaram e me humilharam, o pior, em rede social, envolvendo pessoas que não tinham nada a ver, seria bem mais honroso chegar pra mim seja por inbox ou pessoalmente e falar, cadê a dignidade de vocês? Onde está a amizade em si? Em certo áudio que me equivoquei em um momento de ira todos passaram a me julgam, mas me diga quem nunca agiu em momento de raiva? Quem nunca xingou alguém? Não brigue ou me julgue e diga que estou errado sem ao menos se analisar primeiro, vocês fizeram tudo isso comigo e muito mais, mas não percebem que estão mostrando também aos demais como são vocês em uma amizade, quando as pessoas vão parar de se intrometer/incomodar com a vida dos outros, porque as pessoas gostam de falar dos outros, mas não gostam de ouvir a sua própria verdade, seu próprio fardo? Não ligo mais para tudo isso, criei repúdio a isso, eu simplesmente ficarei na minha, estudarei e procurarei o melhor para mim, amigos verdadeiros e família, Por fim, obrigado a todos que contribuíram para realização do meu sonho, sobre a quantia que me doaram, se todos os que contribuíram com a quantia aceitarem, irei doar tudo que resta a jammy – menina que se encontra com uma síndrome rara, que está necessitando bem mais que eu, seu tio é o Fábio design – sendo assim, garantindo a confirmação dos contribuintes irei entregar tudo o que resta a menina, com a esperança de poder ajudar em algo na vida dela, e sobre os tais comentários à carta aberta que está circulando a rede social, dizendo como me digo médico por escrever ou falar errado, ti digo, aprendi que não existe essa de falar/escrever certo ou errado, o que existe é uma diversidade de linguagem, e que “errado é aquele que fala correto e não segue o que diz” – O teatro mágico, que como Fernando Anitelli (vocalista da trupe O teatro mágico) diz que pessoas que “falam/escrevem errado” são poetas que reinventam as palavras, coisa que os poetas deveriam fazer, sendo assim, não me julgues pelas palavras errados e sim pelos meus atos e significados que quero transmitir, vocês não sabem o que passo, nem me conhecem de fato, então não tem o direito de me julgar, obrigado pela atenção de todos.
Atenciosamente,
Bruno Rodrigues, um simples e pequeno sonhador.
"O SONHO DE UM PODE SER ASSUSTADOR PRA OUTRAS PESSOAS, MAS NUNCA"